Mindset

4 razões pelas quais não estás a ter sucesso na venda

Estás a obter o número de vendas que desejas realmente?

Vais para o terreno à procura de vendas todos os dias. Tens regularmente conversas de vendas, segues as estratégias dos maiores gurus das vendas com rigor e apostas tudo nos orçamentos que enviaste para fechar vendas.

Mas por um motivo qualquer, as vendas não se concluem, e os orçamentos enviados não acabam nas tão esperadas vendas.

Investiste imenso dinheiro em publicidades onerosas, mas o retorno é ridículo. Tiveste várias reuniões comerciais mas os prospectos não compram o produto. Ou talvez tenhas investido em cursos de vendas ou de webmarketing, e depois de teres seguido passo a passo as recomendações do curso, as vendas continuam a não cair.

É geralmente nesta altura que a dúvida começa a aparecer. “ Talvez eu não seja bom vendedor. Isto não é para mim tenho de voltar a realidade e procurar algo diferente.”

E se na verdade estás a fazer tudo bem e só precisas de alguns ajustes no teu mindset, na tua estratégia e nas tuas ações? Talvez precises de voltar ao essencial, recentrar-te e lembrar-te de porque começaste.

Através da minha experiência, identifiquei quatro dos bloqueios mais comuns para conseguir a venda. E vou mostrar-te como contornar cada um deles, o que vai renovar a tua motivação e dar-te um rendimento recorrente.

Motivo 1: Estás centrado em ti e não no Cliente.

Conseguir uma venda não depende de ti . Está ligado ao cliente. Vender é antes de mais servir, o teu objetivo é ajudar o cliente a resolver un problema.

Podes sentir-te constantemente cansado, sem energia, com medo de não conseguir pagar a mensalidade do crédito da casa ou do carro. Acredita já passei por isso.

Na verdade se estiveres concentrado no facto de não conseguires vender não vais conseguir mesmo. Deves portanto mudar o teu estado de espírito (o teu mindset).

Deves passar de un mindset de escassez para um mindset de serviço e abundância.

Como fazes isso? Respira fundo, não te coloques sobre pressão e concentra-te nas pessoas que vais ajudar com o teu produto ou serviço. 

Para isso deves colocar duas perguntas:

O que é que é essencial para o meu cliente? O que é que o teu cliente procura, qual é o sonho dele, quais são os valores dele? Faz uma lista daquilo que o teu cliente ideal procura e utiliza essa lista para responder às perguntas seguintes.

Como posso ajudar os meus clientes neste momento? Agora que sabes o que eles querem, concentra-te no fornecimento de soluções para o problema que eles têm.

Podes criar e partilhar um artigo com conteúdo . Apresentar-te num grupo facebook onde os clientes colocam perguntas para que possas responder. 

Ao libertar a pressão e ao concentrar-te em ajudar o teu cliente, a magia opera. O teu nivel de stress desce. Estás a ajudar as pessoas. Desta forma transferes a tua atenção na ajuda do próximo fazendo aquilo que gostas de fazer.

4 RAZÕES PELAS QUAIS NÃO ESTÁ A TER SUCESSO NA VENDA

Motivo 2: Utilizas constantemente as mesmas estratégias e esperas resultados diferentes.

Já gastaste dinheiro em publicidades que te trazem prospectos e não consegues convertê-los em clientes. Publicas nos grupos facebook e não consegues envolvimento por parte da tua audiência. Reconheces-te em alguma destas situações? Nenhuma das estratégias que utilizas funcionam. E esta situação pesa na tua auto-confiança.

Como diz Seth Godin, “ Fazer o que fizeste vai resultar no que obtiveste”. Portanto se não gostas do resultado, talvez seja tempo de mudar o que fazes.

Se estiveres apto a mudar as tuas estratégias quotidianas, testa alguns dos conselhos seguintes…

Posiciona-te como leader de opinião no teu sector. Partilha o teu conhecimento via artigos em blogs ou podcasts e vidéos. Quanto mais mostrares aos outros as tuas atitudes, mais credibilidade e notoriedade irás obter. Por outra parte irá aumentar também o factor “ saber, gostar e confiança” para enfrentar os teus desafios com uma visão totalmente nova.

Concentra-te naquilo que fazes melhor. O teu negócio é servir as pessoa e a melhor forma de os ajudar é concentrares-te naquilo que fazes melhor. Quanto mais tempo passares a fazer aquilo que gostas, mais a tua paixão se vai manifestar, atraindo assim mais facilmente os teus clientes ideais.

Isto pode significar pedir ajuda nos domínios de actividade nos quais estás menos à vontade, libertando assim tempo para fazer outras coisas. A delegação dessas tarefas não tem necessariamente de te ficar dispendioso. Existem formas de delegar quando se tem pouco dinheiro.

Motivo 3: Estás  ansioso e demasiado concentrado em conseguir uma venda

Nesta altura já efectuaste quatro ou cinco chamadas de follow-up com um prospecto e ainda não conseguiste fechar a venda. Desejas mesmo que ele te diga se sim ou não quer comprar o produto. Esta situação deixa-te nervoso e impaciente, o que faz de ti um vendedor insistente. E o que acontece depois?

O teu prospecto pode começar a pensar que só te interessas pelo dinheiro ou que perdes paciência porque estás desesperado. Estas à beira do precípicio. Quando estás nesta situação, o problema não vem do cliente, o problema vem mesmo de ti.

Faz uma pausa. Para de colocar pressão em ti mesmo para fechar a venda e concentra-te no que é realmente importante: o teu cliente.

Oferece ao teu futuro cliente uma coisa que ele pode utilizar. Pode ser um guia gratuito, um ficheiro áudio, uma amostra, uma sessão de uma hora gratuita. A tua oferta tem de um valor elevado aos olhos do teu cliente. Mais uma vez tens de te concentrar naquilo que os clientes precisam.  

Não te esqueças tu recolhes o que semeias. Se gostas do que fazes, isto vai ser fácil de adaptar ao teu negócio.

Motivo 4: Temos de voltar ao essencial

O closing da venda não depende de ti. No entanto deves investir muito da tua pessoa para chegar ao teu objetivo. Para isso deves focalizar-te nas bases. por exemplo…

– Deves estabelecer uma conexão e uma relação.

– Constrói o teu próprio valor 

– Faz um follow-up regular

– Gere os nãos e as objeções de forma profissional. 

Tudo começa pela tua motivação, se não consegues fechar as vendas que esperas tens de rever as tuas fundações, verifica as tuas bases para poderes ter sucesso no futuro.

Todos nós já tivemos momentos em que vendemos menos. Não enfrentes a situação como um fracasso. Considera-o apenas como um desafio. Deves pensar noutras formas de chegar ao objetivo, mudando o teu mindset.

Quanto menos pensares em ti mais facilmente vais obter os resultados esperados.